Top 10 Melhores Animes de Ação & Fantasia de 2016 – Pensão Nerd

Top 10 Melhores Animes de Ação & Fantasia de 2016

screenshot_5

O ano está terminando, e com isso a temporada de Outubro também. Faltando menos de 1 mês para o término dessa temporada, resolvi selecionar 10 dos melhores animes de Ação + Fantasia do ano de 2016.

Caso você tenha sentido falta de algum anime nessa lista, ou acha que algum deles não deveria estar nesse Top, deixe um comentário. Ou melhor, que tal montar seu próprio Top 10 e nos mostrar?
Mas só vale animes com Ação + Fantasia.

Vamos ao top então:

(10º) Musaigen no Phantom World
Assista: Crunchyroll

Já faz algum tempo que a Kyoto Animation tem mantido um padrão em animes com “garotas bonitas” com uma história simples e algumas coisas sobrenaturais, mas fazendo com que não fique de todo ruim. Por exemplo, Kyoukai no Kanata, Amagi Brilliant Park, Chu2.

Você olha os personagens da Kyoto e são meios que iguais, sabe, bem familiares. Você pensa que já viu em outros lugares. Musaigen não é de todo ruim, é um bom anime para se assistir no final de semana.
Não espere nada complexo ou profundo. Mas pode esperar uma boa animação que é de costume da KyoAni.

(9º) Gakusen Toshi Asterisk
Assista: Crunchyroll

Mais um daqueles animes onde o personagem principal é modafoca, super forte, e tem um harém.
Está cada vez mais comum animes assim, e eu não desgosto. Muito pelo contrário, chega de personagem principal fracote e medroso. Personagem que precisa apanhar até quase morrer para ficar forte, liberar poderes ocultos e o caralho.

Imagina um anime de 12 episódios, onde o principal só vai mostrar alguma mudança nos últimos 2 episódios? A porra do anime acaba, não tem temporada nova e você fica naquela, “a merda do anime acaba quando ia ficar foda”, “quando o principal vai ficar do caralho a merda acaba”, e por aí vai. Sim, estou falando de Tokyo Ghoul.

Ainda bem que Tokyo Ghoul teve continuação e nem foi lá aquelas coisas também. Qualquer coisa tocada por aquele estúdio chamado Pierrot fica ruim e vira fillers. Se bobiar, eles conseguem transformar fillers em fillers.

(8º) Hai to Gensou no Grimgar

Outro anime em que as pessoas são jogadas num mundo de fantasia, e precisa sobreviver.
Se você gosta de jogos RPG, esse é super recomendado. E diferente de Sword Art Online, ele não tem muita ação e romance. Ele tenta ser bastante fiel ao mundo RPG de fantasia, mesmo que ainda tenha algumas falhas.

(7º) Shuumatsu no Izetta
Assista: Crunchyroll

Como eu já falei nos Animes menos ruins de Outubro/2016, Shuumatsu acontece em plena segunda guerra mundial, mais precisamente no final dela.
O anime ainda não terminou, mas pelo que já mostrou até o momento, merece estar no Top 10. Afinal, não é todo dia que uma bruxa monta em armas de guerra dos anos 40 ao invés de uma vassoura.

(6º) Nejimaki Seirei Senki
Assista: Crunchyroll

Esse também está na lista do personagem principal ser modafoca, mas não é o modafoca que luta, e sim o modafoca que pensa. Junta a inteligência do Lelouch, com a aparência do Kirito, você tem Ikuta.
Brincadeiras a parte, Nejimaki contém uma boa história, com personagens bem distintos.

O anime mostra-nos Ikuta e Yatori. Ikuta tem um intelecto superior aos outros, e odeia guerras, mas por certas circunstâncias ele acaba passando no exame de admissão do Escritório Militar de Alta Classe, contra sua vontade. E acaba virando um grande comandante. Ele era quase um nobre também, filho de um grande general, mas que perdeu a posição pois seu pai foi acusado de traição.

Yatori é filha de uma das famílias mais importantes do reino, uma espadachim super talentosa e extremamente forte, treinada desde criança para proteger a família real, sendo capaz de matar 10-15 soldados facilmente, algumas vezes até descontroladamente. Ela muitas vezes é chata com o Ikuta, principalmente quando ele age de forma desrespeitosa com superiores já que ela preserva seus costumes perante um, mas na maior parte é para protegê-lo.

(5º) Drifters

Shimazu Toyohisa, durante o envolvimento na Batalha de Sekigahara, fere mortalmente Ii Naomasa, mas é criticamente ferido no processo. Conforme ele caminha pelos campos, ferido e exausto, Toyohisa se vê transportado para um corredor repleto de portas, onde um homem de óculos detrás de uma mesa o aguardava. Este homem envia Toyohisa à porta mais próxima, e ele acorda em outro mundo.

Ali, Toyohisa encontra outros grandes guerreiros como ele, que da mesma forma foram transportados, para serem parte de um grupo conhecido como “Drifters. Este mundo contém tanto raças humanas nativas quanto raças demi-humanas, incluindo elfos, anões e hobbits. Entretanto, este mundo está em guerra, e logo, os Drifters se veem obrigados a lutar.

(4º) Tales of Zestiria the Cross
Assista: Daisuki

Sorey é um jovem humano que cresceu entre os serafins, seres espirituais invisíveis para humanos. Ele acredita no folclore que diz que “há muito tempo, todo humano era capaz de ver os serafins” e sonha em desvendar o antigo mistério para tornar o mundo um lugar onde pessoas e serafins possam viver juntos em paz.

Mais uma bela adaptação de game feito pela Ufotable, mesmo estúdio de Fate/Stay Night, Fate/Zero.
Os primeiros episódios são uma adaptação mais completa do especial Tales of Zestiria: Doushi no Yoake, e depois começa realmente a história.

A animação é espetacular, tanto os traços quanto as lutas não deixam a desejar. Posso arriscar aqui que foi umas das melhores animações do ano. O cenário então, todo colorido, bem detalhado, parece que você realmente está assistindo um filme. E não posso deixar de avisar que terá uma segunda temporada em Janeiro/2017.

(3º) Kono Subarashii Sekai ni Shukufuku wo
Assista: Crunchyroll

É o que menos tem ação nessa lista, mas também é o que pode ser considerado mais fantasioso.
Temos 4 personagens principais, que são Kazuma, Aqua, Megumin e Darkness.

Kazuma morre de forma ridícula, encontra a deusa Aqua, que oferece a possibilidade de reencarná-lo em outro mundo paralelo podendo levar algum item divino ou habilidades especiais, mas por causa de algumas provocações, ele escolhe levá-la.

Aqua que é uma deusa, mas com um indice de inteligência abaixo das outras deusas e que foi levada com Kazuma para esse mundo paralelo a força, já que era um pedido que ela não poderia negar, tenta de todas as formas voltar a sua vida normal, a de uma deusa.

Também temos Megumin, uma maga do clã carmesin, que a única coisa que ela consegue usar é uma magia de explosão, que por sinal é totalmente sem controle.

E por fim, Darkness. Um Cruzado (acho que é assim que chama) um tanto talentosa na arte do… sadomasoquismo. Isso mesmo, ela é sadomasoquista.
As vezes ela mesmo se coloca em perigo só para ser pega por monstros, além de se sentir excitada quando é abusada verbalmente.

(2º) Gate: Jieitai Kanochi nite, Kaku Tatakaeri
Assista: Crunchyroll

Um portal aparece no distrito de Ginza, em Tóquio, em pleno século 21. Monstros surgem por esse portal, além de cavaleiros da Idade Média europeia e outros seres de histórias de fantasia, como elfos, magos, e dragões… É tipo um Zero no Tsukaima, só que mais sério e sem romance meloso.

(1º) Re: Zero kara Hajimeru Isekai Seikatsu
Assista: Crunchyroll

O aluno colegial Natsuki Subaru foi invocado de repente para outro mundo enquanto voltava da loja de conveniência. Com a maior crise de sua vida sendo levado a outro mundo e sem sinal algum de quem o tenha invocado, as coisas ficam piores ainda quando ele é atacado.

Eu posso dizer aqui que o Subaru é fraco, medroso, forte e corajoso tudo ao mesmo tempo. Muitos não gostam do personagem por ele ser “humano” demais.
Imagina você, “humano”, morrer todos os dias de todas as formas possíveis, e reviver depois.
Ver pessoas amadas morrerem de formas extremamente horríveis todos os dias com você morrendo também, mas revivendo depois. E esse ciclo sem fim continua sem parar…

A única vantagem que o Subaru tem é de ressuscitar. Mas pode não ser uma vantagem.
Ele não tem habilidades de luta, magia e seja lá o que. Quem gosta de um personagem que vá amadurecendo e ficando forte com o passar do anime, praticamente não verá nesse.

O Subaru com o tempo fica mais esperto, e inteligente, apenas isso. Você não verá ele virar um espadachim monstro, cortando uma montanha ao meio.

Ele age como um humano normal em situações difíceis, ofuscado por seus medos, sua incapacidade, sua fraqueza, até o ponto dele ficar quase louco de tanto sofrimento.
Muitos não gostaram do personagem por essas coisas, mas não param para pensar que ele estava apenas agindo como um humano normal estaria em um mundo desconhecido depois de morrer diversas vezes sem poder fazer nada.

———————————————————————
Esse é o Top 10 de ação & fantasia de 2016.
Acredito que todos mereçam estar no Top, talvez mudando a ordem do ranking em alguns.

Mas é isso, vou nessa. Até a próxima.

 

Conteúdo relacionado

by
25 anos. Um amante da cultura pop japonesa. Fã de animes e séries de aventura, fantasia e romance. Sou bastante tímido, por isso o uso da máscara. Tá, eu uso ela porque acho foda pracarai, mas sou bastante tímido mesmo.
Anterior Próximo
  • Welington da S. C. Guimarães

    Maior parte do top ficou razoável, mas para mim, Re:Zero só prestou o hype nos primeiros episódios, depois só foi ficando ruim, e nos últimos 6 episódios ficou bom novamente. E olha que do 15º até o último episódio assisti tudo de uma vez. =/

    Ah, e não colocaria Tales of Zestiria the Cross em 4º não, trocaria ele de posição com Hai to Gensou no Grimgar.

    Antes que venham crucificar, lembrem-se que é só minha opinião, podem discordar como eu fiz com o top, mas de maneira saudável. rrss

     
    • Manozen

      Legal fera.

       
  • HyoukaSensei

    Gostei do rank

     
  • Scar

    sdds Erased e Rakugo, até Kabaneri colocaria no top :v

    E eu achei Musaigen muito ruim, acho que é um dos piores trabalhos da kyo.

     
    • Maxi Iroh

      Erased e Kabaneri são muito ruins, tudo bem que nesse top só tem um anime bom, então não faz diferença.

       
      • Akashi seijuro

        Como o cara me fala q Erased é ruim e gosta de Re zero ?

         
        • Maxi Iroh

          Tu já leu o mangá? O final do mangá já é ruim, mas o do anime é horrível de mais.
          O começo de Boku dake ga Inai Machi(mangá) é super bom, eu tinha ele como nota 8 no início, e isso foi antes do hype, mas com o passar dos capítulos minha nota foi caindo, até chegar a 6 pro mangá e 5 pro anime com aquele final horroroso.

           
      • Scar

        Erased ruim? WhAt

         
        • Maxi Iroh

          Tu já leu o mangá? O final do mangá já é ruim, mas o do anime é horrível de mais.

           
          • Scar

            Li e não é ruim .-.
            Gosto é gosto ne

             
  • Maxi Iroh

    O único anime bom nesse top é Re:Zero, mas é claro isso é minha opinião.

     
  • Homem-Morcego

    Eu dei boas risadas com Kono Subarashii

     
521 shares